01/10/2015

11 de Setembro foi manipulado para culpar Osama Bin Laden

Poucos o conhecem dada a não relevância que os media lhe atribuem mas Jeremy Corbyn é o novo líder da segunda maior força política de Inglaterra, o Partido Trabalhista (eleito a 12 de Setembro).

Jeremy Corbyn reivindicou que os ataques de 9/11 foram 'manipulados' pelo Ocidente para que pudesse ir para a guerra no Afeganistão, num artigo que escreveu há 12 anos.


O líder trabalhista fez as afirmações numa série de peças escritas quando criticou Tony Blair e George W Bush por usarem os ataques de 11 de setembro em Nova York como desculpa para fazerem uma guerra.

Em 2003, num artigo para o jornal Morning Star disse: "Historiadores irão estudar com entusiasmo a manipulação de notícias dos últimos 18 meses."

Ele afirma que Osama bin Laden foi escolhido como responsável para facilitar os objectivos do Ocidente e pareceu reforçar as teorias da conspiração sobre uma "Nova Ordem Mundial".

A "conspiração" da "Nova Ordem Mundial" está frequentemente ligada aos Illuminati e aos argumentos de um Governo Mundial Totalitário.

Num artigo em 1991 para o "Labour Briefing" escreveu: "Sabemos agora que a Guerra do Golfo (1ªGuerra) foi o subir da cortina para a Nova Ordem Mundial: Ricos e Poderosos do Ocidente podem agora manter a actual economia e usar as armas como lhes apetecer."

Neste mesmo ano ainda afirmou; "O objectivo da máquina de guerra dos Estados Unidos é manter o mundo numa ordem dominada pelos Bancos e Multinacionais Americanas e Europeias."

Apesar de ter sido eleito com 60% dos votos é uma pessoa não grata entre os seus pares na política britânica. Seja como for parece que os "malucos das teorias" não são assim tão malucos.

RiseUp Portugal

Sem comentários:

Enviar um comentário